Petrobras Cultural Para Crianças – Artes Cênicas

Veja abaixo as perguntas mais frequentes sobre a chamada

Confira ainda mais dúvidas em nosso canal no Youtube.

Quem pode participar?

Podem participar Pessoas Jurídicas de natureza cultural, com ou sem fins lucrativos, com CNPJ válido. 

O controle da instituição deve ser de brasileiros natos, naturalizados ou de estrangeiros residentes no Brasil há mais de 3 (três) anos, com idade mínima de 18 (dezoito) anos. É possível se inscrever como MEI (microempreendedor individual). 

Quem NÃO pode participar?

É vedada a participação de funcionários da Petrobras e suas subsidiárias e dos profissionais envolvidos no processo de seleção, inclusive os integrantes da comissão julgadora, bem como seus cônjuges, companheiros(as), filhos(as) e enteados(as); e pessoas jurídicas de direito público de administração direta (prefeituras municipais, governos distrital ou estaduais e universidades estaduais ou federais).

Como se inscrever?

As inscrições serão realizadas através do link:

https://gestaodepatrocinios.petrobras.com.br/pt/

Posso enviar minha inscrição por email?

Não, só serão aceitas inscrições feitas através do link:

https://gestaodepatrocinios.petrobras.com.br/pt/

Quantos projetos posso inscrever?

A mesma instituição poderá inscrever mais de um projeto, mas somente um poderá ser selecionado. 

É preciso ter lei Rouanet ou alguma lei de incentivo?

Sim, é obrigatório já ter enviado o projeto para inscrição junto à Lei Federal de Incentivo à Cultura (Rouanet/artigo 18). É atribuído um número a toda proposta que é iniciada no sistema de inscrição na referida lei e esse número deve ser informado no ato da inscrição na chamada da Petrobras.

Se o projeto já estiver em uma etapa mais avançada de análise pela lei de incentivo, ele terá um número de PRONAC, e este que deverá ser informado. 

Mais informações sobre a lei de incentivo:

http://leideincentivoacultura.cultura.gov.br/

Posso inscrever um projeto que seja totalmente digital?

Não, estamos interessados em novos formatos de projetos dedicados às artes cênicas, porém mesmo projetos digitais deverão ter algum tipo de atividade que envolva experiência presencial para o público.

Posso usar novas tecnologias?

Sim, os projetos podem propor novas narrativas e formatos, seja no seu escopo ou nas ações de comunicação.

O projeto tem que ser voltado somente para crianças?

Os projetos devem ter o foco em crianças de 0 a 6 anos, podendo também haver ações para pais, cuidadores, tutores, educadores e pessoas que tenham papel importante na formação e desenvolvimento de crianças dessa faixa etária, que estimule o diálogo sobre primeira infância.

Posso enviar projetos de outras linhas de atuação?

Não, pois o foco desta Chamada são projetos de artes cênicas, que engloba a dança, o teatro e o circo. Buscamos projetos que lidem com o ato do brincar, que levem conhecimento e despertem a curiosidade do público alvo. Aguarde a abertura de novas chamadas para projetos de outras áreas.

Posso enviar links de conteúdos do meu projeto?

Sim, é obrigatória inclusão de ao menos um link que leve a conteúdos (áudio, vídeo ou apresentações), para que possa ser possível conhecer melhor o seu projeto.

Os projetos podem ter outros apoios financeiros?

Sim, e eles devem estar registrados no campo específico do formulário de inscrição. Os projetos não poderão contar com patrocínio de outras empresas do ramo de energia, bebidas alcoólicas e cigarros.

Caso o projeto não conte neste momento com outros apoios financeiros, o valor solicitado à Petrobras deverá ser suficiente para a realização da proposta.

A chancela "Petrobras Apresenta" (ou aplicação similar) será exclusiva e exigida no material de comunicação dos projetos selecionados, assim como o uso de selo especial da Chamada/tema.  A chancela só poderá ser dividida com outros apresentadores se o seu aporte no projeto for igual ou superior ao da Petrobras. 

O projeto tem que ter mídia paga para a sua divulgação?

Sim, é obrigatório o projeto direcionar pelo menos 15% do seu valor total para mídia paga, incluindo ações em meio digital.

Eu vou receber uma confirmação de que o meu projeto foi recebido?

Sim, você receberá um e-mail confirmando sua inscrição na Chamada no e-mail cadastrado para login no site de inscrição.

Eu vou ser avisado se o meu projeto passou de uma etapa para outra?

Somente ao final do processo seletivo os participantes serão avisados por e-mail sobre os projetos vencedores.

Eu posso começar o projeto assim que sair o resultado?

O projeto somente poderá ser iniciado quando o contrato estiver assinado. Estipulamos que os projetos deverão ser iniciados a partir de 15 de outubro de 2020.

Existe um canal (telefone ou email) onde eu possa tirar minhas dúvidas?

Sim, você pode mandar suas dúvidas para o email: duvidapatrocinio@petrobras.com.br, desde que elas já não estejam respondidas no regulamento ou em outros canais oficiais.

Quais são as localidades obrigatórias?

O projeto precisa contemplar pelo menos uma capital entre as regiões Norte, Nordeste ou Centro-Oeste e mais uma cidade com até 150 mil habitantes em qualquer região do Brasil. 

O projeto pode conter a produção do espetáculo?

Sim, as propostas podem conter somente a circulação ou a produção e a circulação do espetáculo. 

Para participar da chamada é necessário ter aprovação na lei de incentivo?

Para participar da chamada é obrigatório já ter enviado o projeto para inscrição junto à Lei Federal de Incentivo à Cultura (Rouanet/artigo 18). Deve ser informado o número de protocolo (ID), que é gerado quando o projeto é inscrito na lei. Não é necessário informar a aprovação (PRONAC) nesse momento, somente se o proponente já tiver esse número.

Meu projeto está aprovado na lei de incentivo, mas foi inscrito como pessoa física. Posso participar da chamada com esse projeto?

Não, o projeto tem que estar inscrito na Lei Federal de Incentivo como pessoa jurídica e o mesmo proponente tem que ser informado na inscrição na chamada Petrobras Cultural para Crianças – Artes Cênicas.

O meu projeto está aprovado e em execução, eu posso inscrevê-lo?

Sim, a inscrição na Lei Federal de Incentivo à Cultura compreende projetos aprovados e em execução e novos projetos inscritos em 2020. Entretanto, os projetos que já têm aprovação na lei e estão em execução já possuem PRONAC e o mesmo deverá ser informado. Cabe lembrar que o valor solicitado à Petrobras tem que estar disponível para captação junto à Secretaria Especial de Cultura e o início das atividades atreladas ao projeto para a Petrobras são previstas para serem realizadas a partir de 15/10/2020.

Projetos já encaminhados ou aprovados na lei que não contenham atividades em regiões obrigatórias indicadas podem ser modificados junto à lei de incentivo? Se sim, como fazer?

Sim, você pode inscrever o seu projeto e pedir modificação junto à Lei Federal de Incentivo, entretanto, o projeto inscrito na Petrobras tem que estar alinhado conforme o regulamento da chamada.Sobre como fazer a readequação, favor consultar: http://leideincentivoacultura.cultura.gov.br/

Como será feito o aporte financeiro?

Os aportes da Petrobras são feitos de acordo com um cronograma de pagamento que é acordado com o projeto. Ocorrem pelo menos 3 parcelas: uma inicial, uma intermediária e uma final. Serão solicitados pela Petrobras relatórios parciais e um relatório final, que deverão conter evidências da realização do escopo do projeto e do cumprimento das contrapartidas. Uma vez aprovado cada relatório, é realizado o depósito correspondente, na conta vinculada à Lei Federal de Incentivo.

PS: há prestações de contas específicas para a Lei Federal de Incentivo, que envolvem comprovações financeiras do projeto. Estas são feitas diretamente à Secretaria Especial de Cultura, não à Petrobras. Para mais informações consultar: http://leideincentivoacultura.cultura.gov.br/

O que é considerado mídia paga?

Mídia paga é toda ação de comunicação paga pelo projeto que é veiculada em meios de comunicação de terceiros, tais como: anúncios em jornais, impulsionamentos nas redes sociais e sites, banners virtuais, links patrocinados, busdoor, inserções pagas em TV, rádio, etc.

Conforme o regulamento, um mínimo de 15% do valor do projeto deverá ser direcionado para comunicação em mídia paga.

O que não é mídia paga, mas pode é parte do plano de comunicação do projeto: desenvolvimento e manutenção de website do projeto, assessoria de imprensa, ações por e-mail, etc.

Podemos apresentar uma proposta de um plano de trabalho de no mínimo 24 meses?

Não há limite de prazo total para o projeto, entretanto você deve verificar os critérios e se o escopo do projeto se enquadra no regulamento.

Se no projeto constar aulas, incluo no item “Detalhamento dos eventos”? Ou o item se refere somente às apresentações que serão realizadas?

Aulas cotidianas, por exemplo, que fazem parte de um curso de formação, não devem ser informadas no campo de “Eventos”, mas somente na descrição do projeto, pois são parte do escopo do mesmo. Porém, se forem momentos pontuais e voltados para o público geral, elas devem ser registradas em eventos.

Há número de apresentações por cidade ou quantidade mínima de locais para circulação?

Não há número mínimo de apresentações ou número de cidades a cumprir, fora a exigência do regulamento: 1 evento em (uma) capital que seja das regiões Norte, Nordeste ou Centro Oeste, e mais um evento em 1 (uma) cidade com até 150.000 (cento e cinquenta mil) habitantes de qualquer região do Brasil. Ou seja, 2 eventos são obrigatórios. Demais eventos e demais cidades são de decisão do projeto.

Qual a diferença entre público “Presente” e “Público Alcançado”?

O público presente é o público que participa diretamente no projeto, são as pessoas que irão nas apresentações, nos eventos, nas aulas abertas.

Já o público alcançado inclui o público presente, sendo ainda mais amplo. É todo o público que teve contato com o projeto e com a sua comunicação: seja pelo acesso ao site, postagens, lives, mídia paga, notícias.